0

SuperSUV: Jeep prepara um Grand Cherokee com 717 cavalos

Que age como um louco, irresponsável, sem controle. Assim é definido algo insano pelo dicionário. E é assim que deverá ser o inédito Jeep Grand Cherokee Trailhawk. Segundo fontes ligadas à marca, o utilitário superesportivo já teve sinal verde para a produção e chega em 2016 para brigar com Range Rover Sport SVR e BMW X5 M.

Ao contrário do que se pode pensar, o Grand Cherokee Trailhawk (mesmo sobrenome que deverá batizar ofuturo Renagade esportivo) não será um substituto do atual SRT, mas sim uma versão ainda mais poderosa visual e mecanicamente.

Mais do que apenas o design agressivo, com para-choques redesenhados e rodas que não deverão ser menores que 21 polegadas, o SUV será equipado com o aclamado motor V8 6.2 de 717 cv de potência e 89,7 mkgf de torque, o mesmo presente nos endiabrados Charger e Challenger Hellcat. O câmbio também deverá ser o mesmo automático de oito marchas. O resultado promete um tanque de aproximadamente 2,5 toneladas que, segundo rumores, chegará de 0 a 100 km/h em 3,5 segundos.

O único obstáculo tem sido o tipo de tração que acompanhará o Grand Cherokee Trailhawk. As especulações apontam que o atual sistema de tração integral não suportaria o torque do motor Hellcat. Com isso, fica a dúvida da Jeep entre promover a limitação do torque ou abandonar a tração em prol de uma traseira, como manda o figurino de um legítimo esportivo (e como é nos esportivos Charger e Challenger).

Também seguindo os irmãos mais baixos, o modelo deverá conter duas chaves. A vermelha deverá estar sempre em posse do proprietário do carro: com ela, toda a potência estará disponível. Em contrapartida, a chave preta deverá ser dada ao filho que quer dar uma voltinha ou ao manobrista: com ela, “apenas” 500 cv estarão disponíveis, bem como a alteração de outros componentes para reduzir a força do carro.

 

FONTE: REVISTA 4 RODAS

megaturbos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *